-A A +A
Laboratório de Psicologia da Moralidade

Fundamentos Metodológicos

Fundamentos Metodológicos

 

(1) Revisão e atualização bibliográfica

Procedemos continuamente a revisões bibliográficas, com consultas a periódicos especializados e a banco de dados, disponíveis no Portal de Periódicos da CAPES, que é certamente um dos mais valiosos instrumentos para o desenvolvimento dos trabalhos de pesquisa do Brasil, notadamente nos Cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu.  Isso tem sido muito importante para mantermos a atualização nos projetos e subprojetos desenvolvidos e detectarmos caminhos estrategicamente importantes para a sua efetivação.

 

(2) Instrumentos e procedimentos

Destacamos o instrumento do *questionário; *roteiro de entrevista (anamnese) para identificação e coleta de informações de caracterização geral dos participantes e sobre sua história de desenvolvimento ;*Instrumento de Avaliação do Nível de Desenvolvimento Moral (IANDM) e, principalmente,* entrevistas com roteiros semiestruturados e utilização do método clínico proposto por Piaget (1926-s.d., 1932-1994). OBS: dois últimos com utilização do método clínico (ou seja: inclui o IANDM).

 

(3) Tratamento dos dados - Análises e interpretações dos resultados (contribuições científicas)

A prioridade é a análise qualitativa dos dados. Dessa forma, a riqueza das respostas e das justificativas dos participantes é objeto da demonstração e da discussão dos resultados, conforme o modelo utilizado por Piaget (1926-s.d., 1932-1994) em suas pesquisas. Consideramos importante, também, a realização da analise quantitativa dos dados e utilizamos referências quantitativas em número e percentuais para o auxílio na apresentação e discussão dos resultados. Predominantemente os dados são analisados com base na teoria piagetiana e na sistematização proposta por Delval (2002).

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910